quarta-feira, 28 de janeiro de 2015

Rumo à Recuperação


Porque voltei a comer algumas coisas sólidas e mornas(!!) e foi a melhor sensação da semana. Sinto-me menos inválida, mais a caminho da recuperação. Embora com todas as noites de sono que ando a perder (dormir de cabeça alta e virada exclusivamente para um lado não é o repouso dos deuses) só estejam a adiar o processo. Sarar as feridas, aftas e todos os sintomas de corpo débil só vão atrasar-se com este contratempo e falta de descanso, porque repouso é tudo o que não tenho quando regresso ao ativo.
A bem ou a mal, isto tudo vai ter um fim. E eu vou poder voltar a fazer a rotina sem este problema. Ah, e matar saudades de umas bolachas crocantes, das minhas frutas, frutos secos e aveia assim que tirar os pontos da boca. E porque não também um croissant estaladiço? Acho que vai tudo porque sinto muito a falta e vou mesmo merecer festejar.