sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

Getting Too Complicated


A ter de digerir tantas más notícias naquela que devia ser a época mais feliz do ano. Mais bonita, mais leve, mais genuína, mais amorosa, divertida. E não a época de baralhar tudo e congelar todos os (poucos) planos. Outra vez.
Se já custa tanto passar o ano inteiro assim, nesta altura dá vontade de me enfiar num beco a chorar. Vontade de deitar os pulmões pela boca, de sofrer tudo de uma vez até acalmar. Mas é continuar a tentar e a aceitar e a digerir. Lutar para não deixar ir abaixo - por mais que às vezes pareça mesmo que estamos no limiar das forças (psicológicas), a um fio de descarrilar e de admitir que não dá para aguentar mais. Mas aguenta-se. Mesmo que seja na semana do Natal e que doa muito por dentro.