terça-feira, 11 de novembro de 2014

Não Compreendo


Aquelas pessoas que tiram o tempo só para apontar o dedo e ver o que está mal nos outros. Que vêem uma notícia e pensam como a criticar à bruta logo no mesmo segundo. Que fazem questão de ver o lado negro de tudo, mesmo quando ele parece nem existir, mesmo quando se trata de uma notícia positiva. Já para não falar de quem critica a felicidade e sucessos alheios...

Bom, tudo isto porque tenho reparado na tendência crescente para o nervoso miudinho com que ficam as pessoas ao ver fotos-tendência, como as de pernas na praia. Não é que eu as tire, e muito menos publique seja onde for (até porque há anos que não tenho a oportunidade de ir à praia) mas não vejo mal em quem o faz, muito menos ao ponto de ficar irritada por causa disso. E estas coisas chegam por "ondas" de irritação, são cíclicas. Ora são as pernas e unhas pintadas na praia, ou o famoso pé debaixo de água, ou são os cocktails com vista para o mar, e entramos em novos ciclos em que começam as imagens de chocolate quente e lareiras acesas. Vejam bem, que as pessoas vão todas começar a partilhar as suas lareiras, não há direito! Como posso continuar a viver neste mundo?
Essas pessoas mais sensíveis (chamemos-lhe assim simpaticamente) é melhor que se comecem a desligar do mundo virtual - e a desligar o telemóvel também - porque vão aparecer aí as árvores de Natal em força. É um conselho de amiga. É cada árvore, cada foto. Talvez seja melhor um calmante à mão.

E já que estou numa de conselhos, vou aproveitar para avisar que essas pessoas têm uma atitude muito mais triste e fazem pior figura ao escrever um post desagradável desse género, a chamar as atenções para quem na verdade não tem nada de errado, do que quem anda a partilhar aquilo que gosta. É isso e andar a corrigir erros ortográficos alheios em público. Eu pelo menos prefiro ver 352 lareiras acesas do que um desabafo de uma pessoa frustrada.

1 comentário:

Green disse...

Completamente, eu não escreveria melhor.