terça-feira, 31 de dezembro de 2013

Best Wishes


No meio destes dias agitados não tenho tempo para passar o ano em revista, mas também não queria nem o faria. Não saberia o que dizer sobre o ano que passou. Quem lê sabe que foi estranho, muito estranho. Não fiz nada do que tinha planeado, nada do que queria, e mesmo assim nada correu melhor por causa disso. Muitos erros estão por listar, há muito por onde evoluir e é disso que se trata esta passagem de ano: olhar para os erros, os pontos fracos e definir a estratégia para ultrapassá-los. Continuar a sonhar e transformar os sonhos em planos. Ai, que tenho tantas coisas, tantos sonhos por cumprir! E todas para ontem, nenhuma delas tem a ver com "o futuro". Nenhuma delas se prende com ter isto ou aquilo, com o que quero numa futura casa, com futuros filhos. Todos os sonhos ainda estão em atraso, por realizar antes de todo esse carrinho de coisas futuras, que deviam ser um futuro tão próximo mas estão distantes porque o meu passado está por cumprir. Demasiado confuso? Eu sei que sim. Estou assim, confusa. Mas sobre o ano que passou vou continuar sem me pronunciar. Vou brindar a ele e ao que vai entrar, é celebrar um novo começo, é olhar para a frente e com muita força fazer cumprir pelo menos uma parte das resoluções de ano novo (infinitas) que já trazem sempre algum pó de outros anos passados. Vergonha, Belicious, vergonha! Que se façam cumprir as mais fortes!


We will open the book. 
Its pages are blank. 
We are going to put words on them ourselves.
The book is called Opportunity and its first chapter is New Year's Day.
- Edith Lovejoy Pierce
 
 
Vamos definir os nossos grandes objetivos para 2014 e começar já amanhã a olhar para o que queremos realmente. Porque tudo é fugaz e a vida não brinca, não espera, não tem pena. Ou tomamos as rédeas, ou ela toma por nós.
Um ano de 2014 em cheio para todos! Que todos os vossos grandes planos e objetivos se concretizem, mas antes disso coloquem-nos em prática :) amanhã começa todo um novo livro, uma nova oportunidade, mesmo que simbólica. Vamos aproveitá-la! 

Feliz Ano Novo

Sem comentários: