quarta-feira, 31 de julho de 2013

De volta à rotina



Depois de um mês sem tempo para exercícios e cozinhados (não é que antes tivesse muito mas neste mês apertou), a trabalhar até tarde e a levantar tarde, praticamente sem pequeno almoço - variando entre uma tostazita integral, um chá, ou uma fruta - devido às más horas (levanto-me normalmente às 11h nestes horários descontrolados), hoje voltei à minha rotina saudável.
Voltei ao meu pequeno-almoço saudável de aveia com frutas, amêndoas laminadas, fio de mel e doses generosas de canela. É saudável porque foge ao trigo, prejudicial a algumas questões da nossa saúde e também de beleza (como a celulite, inflamação da pele muito causada pelo trigo). Este ingrediente não mata, mas come-se em excesso na dieta mediterrânea, e como tudo o que se come em excesso, faz mal.

Aboli totalmente o pão do meu pequeno-almoço desde que comecei a dieta, em Fevereiro. Mantive-o ao lanche, em dose muito contida, dose que quero manter para a vida. Na altura pensava que ia ser difícil. Gosto tanto de pão que me chega a ser difícil escolher na altura de comprar. Adoro todos, de todas as cores e feitios. Mas saúde é saúde, e tive de cortar nos excessos: pãozinho, só de tarde (e já é conforme os dias!). De manhã passei a alternar entre a aveia com fruta e o iogurte com weetabix, até que um dia destes descobri que esses cereais são maioritariamente trigo. Eu podia jurar que os weetabix eram compostos por uma série de cereais integrais e aveia, tudo super benéfico para a saúde, mas são sobretudo de trigo. Mais uma vez, embora também coma pouquinho deles, readaptei e agora como-os mais espaçadamente e sempre em dose reduzida também. A aveia é a rainha do meu pequeno-almoço, um hidrato de carbono especial (tão especial que pode ser comido à noite sem pesos para a dieta, embora eu nunca o tenha feito) e tão, mas tão rica em nutrientes. Uma pesquisa sobre aveia e deixa toda a gente de boca aberta pela quantidade de saúde que pode caber numa taça. Depois, a fruta. Uma dose única de fruta, porque não convém abusar. Ela é rica em açúcar, que em excesso nos mata aos poucos. Portanto, uma fruta única, ou duas metades para combinar, ou só meia banana, se for o caso. Com este equilíbrio e um despertar a horas, o meu corpinho agradece e as manhãs tornam-se bem mais felizes.

Sem comentários: