domingo, 16 de junho de 2013

Prós e Contras

 

Hoje fiquei indecisa sobre a minha roupa de treino para a próxima vez que for caminhar para o parque. Esta manhã levei uns calções muito curtinhos, porque além de eu ter imensos calores quando me exercito (para lá do comum, mesmo), também não devo nada a ninguém no parque, tenha ou não tudo firme e no sítio e bonito de se ver. Ah, para além do motivo principal e que mais me interessa: adoro este tipo de calções.
Bom, a experiência deu para concluir que ao levar esta roupa até ao parque (ambiente em que ainda não tenho muita experiência), acabo por chamar algumas atenções, o que não vai, de todo, ao encontro de um dos meus objectivos, que é passar despercebida. Não é que seja muita gente a olhar, e era tão cedinho que ainda só estavam aqueles homens mais experientes da corrida e bicicleta, equipados até à ponta dos pés e felizes da vida, mas preferia que não reparassem. Não é para isso que vou até lá, muito menos quando não tenho jeito para corridas e não quero atrair atenções. A parte boa? É claro que existe. Para além de ser fresco e confortável, ainda se traz para casa uma corzinha inesperada, mesmo após uns míseros 45 minutos ao sol. É só medir os prós e contras para decidir as próximas vezes, mas desde já sei que o que não me falta na gaveta são calçõezinhos queridos e a ideia do bronze gratuito agrada-me mais que muito.

Sem comentários: