sábado, 23 de fevereiro de 2013

Exercitar em casa


Preparar um corpo para a Primavera e mandar fora os excessos das festas passadas e toda a "comfort food" dos dias frios (que ainda não passaram e ainda pedem chocolate quente e bolinhos mas ando a ignorar completamente esse facto como se não fosse humana!), não basta fechar a boca. Ai não não. Comer menos emagrece, claro que sim, mas ficar emagrecida e mole não tem piada nenhuma. Sou uma desgraça no que toca a exercício, mesmo do pior que existe, então arranjei soluções à minha medida, pelo menos para conseguir arrancar.
Experimentei as minhas aulas de zumba caseiras. Já tenho o Kinect há anos mas só agora ganhei coragem para testar as potencialidades do brinquedo. Qual Wii, qual quê. Escolhi um nível de principiante (que é o que sou, ou talvez nem isso) só para começar e saí dali cansadíssima como se tivesse feito uma corrida, mesmo que tenha feito os passos todos mal feitos.  Para além dos efeitos à vista, aquilo ainda é realmente divertido. É claro que preferia estar na cama a dormir mais um pouco, mas... such holidays in the sun don't come without sacrifices. E se estou numa fase de sacrifícios na minha vida para daqui a tempos ter o meu lugar ao sol, então encaro mais este, que é tão importante como os outros.
Bem, eu sou uma desajeitada e inexperiente, mas aquela câmara a apontar para mim a toda a hora diz-me quando estou a fazer mal os exercícios e quando já apanhei a coreografia. A zumba é um sucesso e um fenómeno mundial e só agora percebi porquê! Agora vou treinando até melhorar. Para aumentar a fasquia e as minhas ambições (ou melhor, para acreditar que vou mesmo conseguir evoluir), já se juntaram à sala a bicicleta estática, ainda por cima das puxadas, só para me fazer trabalhar, e o meu amigo step. Isto agora é que vai ser. Quero pelo menos ver uma evolução!

Sem comentários: