sexta-feira, 1 de junho de 2012

Então deixem-me sonhar um bocadinho









Porque pelos sonhos ainda não se paga e nos meus ninguém se pode intrometer. Porque agora só queria estar away, far away, e não posso. Então sonho. E vou continuar a sonhar com esta calma de que preciso e que mereço e que sei que vou alcançar quando esta maratona terminar. E uma fuga para algures num sítio bonito também hei-de arranjar, para ter um bocadinho do que é bom na vida. Faz parte.

1 comentário:

anirataC disse...

que imagens tão inspiradoras :) vou seguir-te *

etitsmorceauxdemoi.blogspot.com