terça-feira, 13 de setembro de 2011

Maravilhosos, mas não tanto

Foram entretanto divulgadas as sete maravilhas da gastronomia portuguesa. Só ontem soube dos resultados e fiquei desapontada, é claro que fiquei. Não é que não goste de todas, gosto muito, mas não posso concordar que o melhor que um estrangeiro possa provar quando vem ao nosso país seja um prato de caldo verde ou uma fatia de leitão da Bairrada. A alheira pode saber muito bem, mas não é uma maravilha, muito menos a maravilha das maravilhas. Não é disto que se fala quando se diz que a comida portuguesa é das melhores do mundo.
Escolheram alguns dos pratos mais típicos de Portugal, isso sim, mas nunca os melhores. Esses ficaram bem longe da lista. Onde já se viu numa lista de maravilhas gastronómicas portuguesas a ausência de um prato de bacalhau (seja ele qual for) ou um prato alentejano? Não são esses que fazem as delícias de quem vem de fora? E as nossas delícias também, pois claro. Palmas para o Pastel de Belém, que, tal como tantos outros doces que temos, merece estar numa lista de maravilhas que, de facto, surpreendem pelo sabor.

3 comentários:

Sofia disse...

Ainda não conheço a lista, mas pelo que dizes, concordo que não foi muito bem feita...

Joana disse...

Das finalistas, algumas vencedoras surpreenderam-me, outras nem tanto.
Agora nas eliminatórias, realmente ficou muita coisa em falta...

Susy disse...

Também concordo!