sexta-feira, 23 de setembro de 2011

Rituals girl...

Chega a sexta-feira e vejo sugestões de fim-de-semana por toda a parte. São programas para esses três dias na cidade, seja em jornais gratuitos, jornais online, revistas semanais. O problema nisto é que me apetece seguir todas as sugestões, visitar todos os recantos e experimentar todas as esplanadas. Ver aquela exposição, passar naquele jardim, assistir, na relva, àquele concerto (que tal o jazz que houve em tantos jardins este Verão?). Essas sugestões são completamente feitas para pessoas como eu, não há dúvida, e quando tiver uma vida decente - vida em que já não estude mais - vou matar sempre os meus fins-de-semana em lazer da melhor qualidade.
O mais giro de todos estes programas de sugestões em Lisboa é que não preciso mesmo nada deles. Tenho uma to go list suficientemente grande para "gastar" até um dia em que precise desse tipo de orientações - apesar de adorar lê-las anyway. Entretanto vou sempre agradecendo a actualização de tudo o que é concertos, exposições, feiras, todo o tipo de eventos.

Por mim, hoje era um lanche no meu jardim preferido, seguido de leitura até me cansar de ali estar. Porque mudou a estação mas eu continuo sempre a mesma rituals girl.