terça-feira, 30 de agosto de 2011


Depois de depositar todas as minhas esperanças de bronze deste ano nesta última semana aqui, sou desagradavelmente surpreendida pela previsão da meteorologia para o resto da semana: chuva e frio amanhã, chuva e trovoada para quinta-feira, isto para todo o nosso Portugal. Perdi hoje um raro dia de sol neste fim de mundo porque passei o dia em Lisboa. É muito giro ir lá, o pior é a parte de voltar. Não queria voltar para aqui nem por nada. Depois de ter de voltar aqui para onde não se passa nada, ainda descubro que a única vantagem deste sítio não vai existir: praia. Então o calor não se conteve todo o Verão porque estava a guardar-se para Setembro? Pelos vistos era mito. Resta-me esperar que aqui o tempo seja diferente. É que aqui, terra esquecida por todos os mapas, o tempo sai sempre ao contrário.

Sem comentários: