segunda-feira, 18 de julho de 2011

dias de inverno por aqui


Não há dia em que não chuvisque nesta terra. Peniche tem praias à escolha, praias para tudo o que é gosto, praias muito boas, com bares óptimos e esplanadinhas daquelas. Isto é certo todos os anos. O pior é quando estamos na esplanada e somos obrigados a sair porque começa a chover. O pior mesmo é quando este cenário é o dia-a-dia (e o ano-a-ano, já agora!) desta zona. Para que servem tantas praias, tantos bares, tantas coisas de fazer inveja a qualquer pessoa que more noutro lado, se não temos o essencial, que neste caso é o sol? Não há Verão em que tenhamos direito a uns bons dias de calor. Se fizer calor, não se sente por causa do vento gelado. Na praia só se come areia, para além de não dar para se estar despido por muito tempo. É ver os chapéus de sol a voar e rezar para que nenhum se espete contra nós. É ver tendas (sim, aqui o pessoal tem de levar tendas e pára-ventos) a rebolar praia fora e as famílias a correr atrás delas. À noite podemos vestir o casaquinho de Inverno que nunca se pode guardar, proteger o cabelo da humidade nojentinha e ir vestida para um bar de praia, mas sempre consciente de que é para apanhar frio a noite inteira.
Aqui é assim... E desde que voltei de Londres só têm feito dias de Inverno por aqui. Fico à espera do sol para poder ganhar uma corzinha mas está mesmo difícil. Parece-me que ele vai espreitar esta semana quando for passar uns dias a Lisboa. É sempre assim... Aproveito quando voltar, se tiver muita, muita sorte.

3 comentários:

A Tulipa Azul disse...

Apesar, gosto muito de Peniche este ano quero ver se finalmente consigo ir ás berlengas! Da ultima vez que aí estive por causa do mau tempo não consegui ir.:(
http://atulipaazul.blogspot.com/2011/07/vocacao.html

Ana disse...

Sintra é igual.

Susy disse...

Até enerva!!!