segunda-feira, 22 de novembro de 2010

Todos os domingos me pergunto o mesmo:

Mas esta edição do Ídolos é a sério? Ou estão só a gozar comigo? A verdade é que acabo sempre por ver, mas por exclusão de partes, porque nunca tenho programado ver este atentado à música. Não há ali uma pessoa que saiba cantar, quanto mais um candidato como deve ser a ídolo. E aquele juri? Que fantuchada! O formato do Ídolos já é uma porcaria (estou a falar da versão portuguesa, claro), mas esta edição bateu no fundo. Ridículo, mas ridículo.

3 comentários:

O Idiota Magrinho disse...

Eu não acredito que estou a comentar "fofoquices" mas... o Martim tem estilo de artista!

;-)

Mais que não seja pelas interpretações de artistas PORTUGUESES!

disse...

querem imitar tudo o que a América faz..
Depois dá nisto.

Mirth disse...

O Martim estilo de artista? O gajo não canta nada!! E a Maria Manuel, juro q a primeira vez q ouvi pensei que fosse para os cromos, não estou a brincar! lol